Redes Sociais



Layout desenvolvido por Renata. Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquisar este blog

Postagens populares

sexta-feira, 30 de abril de 2010

A difícil decisão: O Parto!



Olá meninas do meu coração tudo bem com vocês?

Bom, ontem foi minha consulta pré-natal, agora elas estão mais frequentes, de 15 a 20 dias no máximo entre uma e outra, já que estamos chegando ao final.

Aparentemente tudo bem, pressão controladíssima (10x6), continuo levando bronca porque sempre engordo mais do que devia, e o útero cresceu mais 2cm desde a última consulta. Ouvimos o coraçãozinho da minha princesa firme e forte! Enfim, exames de rotina perfeitos.
A minha GO nunca tinha falado comigo a fundo sobre o parto, sempre dizia que iria deixar para quando chegasse mais perto para que eu não ficasse encucada demais com o assunto, porém que agora está chegando a hora de resolver as coisas (também acho, afinal já vou completar 32 semanas de gravidez!!!). Me perguntou qual seria o tipo de parto para o qual eu dou preferência, respondi rapidamente que é PARTO NORMAL, ela deu uma risada e falou que já esperava essa resposta de mim.
Aí ela começou a enumerar os prós e contras de cada tipo de parto no meu caso que sou diabética:

1 - PARTO NORMAL


- É natural, fisiológico e acontece exatamente quando o bebê manda o sinal de que está pronto! Lindo, maravilhoso, para mulheres que não tem nenhuma complicação durante a gravidez e podem ficar esperando a vontade do bebê. Mulheres com problemas de pressão e diabetes normalmente são indicações de PC, os porquês vou falar mais pra frente.


- A recuperação é bem mais fácil, porém se for necessária a episiotomia, vou levar pontos da mesma forma e correr risco de problemas de cicatrização também, bem menores do que uma cesárea, lógico, porém existentes da mesma forma.


- Para quem não conhece muito bem a medicação de um diabético insulino-dependente (que é o meu caso), ela funciona mais ou menos assim:

Levanto pela manhã e com um aparelho chamado glicosímetro, meço a quantidade de glicose (açúcar) presente no sangue e tomo dois tipos de insulina: Uma chamada Regular e a outra chamada NPH. A NPH fica agindo no meu organismo durante horas, porque temos enzimas, hormônios e a própria placenta que por sí sós jogam glicose no sangue o dia todo, então a função dessa insulina é controlar essa glicose que é jogada no sangue o tempo todo. A insulina regular tem a função de agir rapidamente sempre que como algo (café da manhã, almoço, jantar e lanches) e sempre tomo a mesma quando vou comer algo, a quantidade que tomo depende do que vou comer. É aí que está o problema!!! Se eu tomo esse batalhão de insulina e não como nada, ou como pouco demais, tenho uma coisa horrível e que qualquer diabético morre de medo chamada de HIPOGLICEMIA, isso acontece porque a insulina está agindo no meu organismo mas eu não ingeri glicose então chega uma hora que falta açúcar no sangue! Por isso, diabético nenhum no mundo que toma insulina pode ficar muito tempo sem comer, se ficar é fatal, passa mal mesmo e a hipoglicemia leva ao óbito muito mais rápido do que a hiperglicemia, mata em questão de minutos e se não matar pode deixar lesões no cérebro, levar ao coma, à morte fetal intra-uterina, enfim, um monte de complicações!
Agora raciocinem comigo: O TP na maioria das vezes se inicia sem que saibamos quando e nem onde e depois que se inicia pode demorar muitas horas e durante o transcorrer do mesmo a gestante fica sem comer apenas no soro e o esforço que a mesma vai fazer durante o parto em si é grande, o que pode dar HIPOGLICEMIA!!! Isso pode matar meu bebê...

- Durante toda a gravidez minha glicose se manteve maravilhosamente controlada! Tive alguns episódios de alteração, mas eles nunca foram frequentes e nem prolongados, portanto não prejudicaram o desenvolvimento da Sarinha. Mas esse controle bom é muito frágil, a glicose pode se descompensar simplesmente por uma infecção boba ou uma emoção mais forte, isso já aconteceu comigo e tive que ficar 9 dias internada para controlá-la novamente, quando a bichinha sobe é difícil regular denovo!!! Portanto quem garante que se eu ficar esperando muito, posso ter uma descompensação no final e ter que me submeter a um parto de emergência? É um risco que terei que correr se quiser esperar o PN.


2 - PARTO CESÁREO


- Não é natural, é agendado e pega o bebê de surpresa. É uma cirurgia e implica todos os riscos devido à anestesia, posso ter grandes problemas de cicatrização devido ao diabetes, porém se estiver controlada esse risco é quase igual ao de uma pessoa sem a doença.


- Provavelmente terei que antecipar em duas semanas o parto (38 semanas) e isso me dá um medinho, tenho pena de arrancar a pequena da barriga antes dela estar pronta.


- Vai contra o que sempre idealizei, sempre quis parto normal, mesmo antes de estar grávida!



E para completar, meu convênio "ótimo" não paga para a GO que fez meu pré-natal fazer meu parto, tenho que fazer com o plantonista do hospital, o que me dá medo, pois quem garante que ele vai levar à serio meus problemas de saúde e dar a devida atenção ao meu bebê quando ele nascer. Bebês de mães diabéticas podem ter algumas complicaçõezinhas ao nascer, por isso temos sempre que procurar por um hospital com UTI Neo, pois alguns precisam ficar nela alguns dias. Aí para confundir um pouquinho mais a minha cabeça, a GO disse que realiza meu parto no caso de cesárea, que eu posso marcar e ela fará meu parto, porém em caso de normal fica difícil, pois posso ficar em trabalho de parto o dia todo e ela não pode deixar os outros compromissos que tem para me acompanhar sem receber nada.


Entendo o lado dela e para mim seria muito bom ter meu parto com a médica que me acompanhou a gravidez toda e sabe de todos os meus problemas, me deixaria muito mais segura, mas ao mesmo tempo não queria partir para uma cesárea sem ao menos tentar o normal, mas tenho consciência que o parto deve ser o que for melhor para mim e para a bebê, independente da minha vontade.


Devo decidir o tipo de parto até a próxima consulta, onde ela me dará os exames finais e se eu decidir por cesárea, marcará a data.


Aimewdeusdocéu... O que eu faço???? Dúvida cruel...


Bjus e desculpem pelo post enorme, mas era um assunto importantíssimo e que me aflige muito!

10 comentários:

ღ Keka ღ disse...

Que difícil esta escolha né? Puxa, minha amiga passou por isso, e acho que vc deve pesar os prós e contras e ver o que é melhor pra vcs duas viu? Estou aqui ansiosa tbem pois cheguei a 32ª semana, acho que na próxima consulta tbem vamos conversar sobre o parto, prefiro normal mas não passei por nenhum problema de saúde durante a gravidez. Espero que consiga escolher o melhor p vcs, aguardo noticias! Beijinhos!

Débora disse...

É florzinha, essa decisão é complicada mesmo!

Mas assim, vc tem que pesar o que é melhor pra sua saúde e pra sua bebê. Não te apega a coisas "ideais" ou "naturais".

O parto é só um detalhe né!

E já tá quase quase no oitavo mês!! Tá chegando!

Beijo!

Camila disse...

Olha, as mamães diabéticas que eu conheço optaram pela cesárea. Se tua médica te dá a opção de escolher, veja o que é o melhor para vc e vá fundo! Eu particularmente escolheria a cesárea.

Dani disse...

Dificil. Mas concordo com a Camila. Sua medica te deu oportunidade de escolher, isso parece algo mt positivo.

Eu particularmente, fico com temor de ambos partos. O PN pela dor q nao sei qual é, o PC, pelo q vc disse, tirar o bb sem aviso previo..Na sua pele, nao sei o que escolheria.
Mas uma reflexao. Nao seria possivel escolher o PN e qq coisa, recorrer ao PC? Digo isso, pq é minha duvida tb.

Um bjo!

Juliana Zambon disse...

É Re ... estou também como você, na dúvida cruel. A minha dúvida é pelo fato de tudo indicar que o Felipe será um bebê grandinho e isso me deixa com receio de tentar parto normal. Minha médica deve falar nisso na próxima consulta. Pense em vc e no bebê! Vale a pena qualquer sacrifício para que tudo corra bem no final!!
Bjoss

Artes Estrelinha disse...

oieeee...decisão dificil mesmo....
Porém sem fazer apologia a Césaria, pq sabemos dos riscos neh ... eu optaria pela cesária não somente por estar ans mãos de um médico de confiança, mas tmb pelo risco de vc ficar tentando pn e tewr uma descompensação, causada pela ansiedade de repente e ter q partir pra uma césaria so que nesse caso de emergencia....
Mas eh uma decisão que somente vc deverá tomar ...sem culpas e sem medos....
E que bom q daki a algumas semaninhas jah termeos nossas pequenas no colo....

Gisele disse...

Renata
encontrei seu blog, e esse assunto muito me interessa... comecei meu blog tb porcausa da gestação, só que comecei DEPOIs que a minha baby nasceu. Ela nasceu dia 12 de abril. Te digo uma coisa. PArto normal é muito melhor. Eu tive duas cesáreas e agora lutei até o fim para ter um parto normal. Eu desenvolvi diabetes gestacional, e por isso acabei sofrendo uma pressão enorme para optar pela cesárea... mas não abri mão. Se vc está com a diabete controlada, eu te aconselho a tentar o PN, mesmo que seja com o plantonista. PC tem muito mais riscos para mãe e para o bebê, especialmente se vc é diabética.
Como vc ainda tem tempo para entrar em TP, uma opção que vc pode conversar com sua médica é ir para o hospital apenas qdo estiver em TP ativo. Se vc conseguir uma DOULA vc consegue. Uma doula é fundamental, não custa muito caro. Informe-se, procure. Em que cidade vc está? Eu participo de uma lista de discussaõ que me ajudou muito: "parto nosso".
Faça uma visitinha no meu blog. Arrume um tempinho para ler relatos de parto (o meu está no blog). Podemos conversar mais. Me deixe um recadinho que eu te retorno.
www.mulheresempoderadas.wordpress.com
um beijo
Gisele

Gisele disse...

Ah... e como foi parto normal e eu tive muito leite, não deixei furarem minha bebê para fazerem o teste de glicemia a cada 6 horas... eu amamento livre demanda, sempre que ela quer, então não me preocupo com a hipoglicemia que ela pode ter desenvolvido por causa da diabete gestacional... embora eu ache que eu nao estava diabetica nada... eu fazia o exame com o glicosimetro sempre 2 horas após as refeições, sempre dava abaixo de 110 (com dieta).
um bj

Erica Silva disse...

ola estou com 38 cemanas e estou com diabete alta e so agora descobriraó eles quere que eu tente pelo parto norma l me ajude estou com medo pq n fis nenhu trantameto pra diabete pq n da masi tempo o que faso

Unknown disse...

Desculpe, mas sua GO quer lhe passar a faca! Busque mais informações, pois isso não é indicação de cesária, pois durante o trabalho de parto vc pode sim se alimentar, diferentemente da cesarea, onde nem água poderá tomar! Não se iluda com os riscos, pois não é bem assim..

Marcadores

síndrome de west (24) desenvolvimento (15) diabetes (6) gravidez (6) novidades (6) atualizações (5) desabafo (5) maternidade (5) atraso no desenvolvimento (4) book gestante (4) consulta pediatra (4) contagem regressiva (4) festa de um ano (4) gravidez e diabetes (4) segundo filho (4) Ano Novo (3) Apae (3) Dia das Mães (3) amamentação (3) chá de bebê (3) criança especial (3) fotografia (3) gripe (3) grávida (3) internação (3) mãe (3) sobre a mamãe (3) 21 semanas (2) 24 semanas de gestação (2) 4 anos (2) 4 meses (2) De Deus um anjo (2) Epilepsia (2) Novo layout (2) Obstetra (2) US morfológica (2) atualidades (2) cardiologista (2) controle glicemia (2) crise de epilepsia (2) demissão (2) escolinha (2) evoluções (2) fotolivro (2) grávida diabética (2) hipoglicemia (2) milagres (2) novo projeto (2) outros assuntos (2) primeira US (2) refluxo (2) selinho (2) sorriso (2) sorteio (2) tipos de parto (2) viagem (2) vivendo e aprendendo (2) volta ao trabalho (2) #protestomaterno (1) 1 ano (1) 11 dias (1) 11 meses (1) 12 dias (1) 12 semanas (1) 14 semanas de gestação (1) 17 semanas (1) 18 semanas (1) 19 semanas (1) 2 anos (1) 2 dias (1) 23 semanas (1) 28 semanas (1) 29 semanas de gravidez (1) 3 anos (1) 3 meses (1) 30 semanas gestação (1) 31 semanas de gestação (1) 33 semanas de gestação (1) 34 semanas (1) 35 semanas (1) 4 dias (1) 6 dias (1) 7 dias (1) 9 meses (1) 9 semanas gestação (1) Alta (1) Blogagem Coletiva (1) Constatações (1) Crianças Especiais (1) Deus (1) H1N1 vacina (1) News (1) O positivo (1) Onze meses (1) Relato de parto (1) Sarah (1) Saudades (1) Special Kids (1) Testado pela Mamãe (1) Theo (1) UTI Neo-natal (1) aborto (1) agradecimentos (1) alimentação (1) amor incondicional (1) assentos reservados (1) boas novas (1) caminhando (1) cesárea (1) cinco meses (1) como tudo começou (1) comprimidos hipoglicemiantes (1) concurso (1) convênio (1) crise gelástica (1) cólicas (1) data do parto (1) decisão sobre o parto (1) decoração (1) depressão (1) dia dos pais (1) diabetes tipo I (1) doencinhas infantis (1) dois meses (1) dor ciático (1) dor na perna esquerda (1) ecocardiograma (1) educação (1) entrevista de emprego (1) entrevista istoé (1) espasmos infantis (1) estresse (1) exames de sangue (1) expectativas (1) falando (1) felicidade (1) fraqueza (1) futuro (1) gentileza (1) gravidez em diabéticas (1) hemoglobina glicada (1) icterícia (1) infecção urinária. exame de toque (1) insulina (1) licença maternidade (1) livro da Sarah (1) luto (1) manifestações (1) medicação (1) milagre (1) nervo ciático (1) não é só por 20 centavos (1) papai Diego (1) papinhas (1) parto normal (1) polêmica da mãe vaca (1) pronto socorro (1) protestos em SP (1) protestos no Brasil (1) rapidinhas (1) refletindo (1) rotina (1) segundo trimestre gestação (1) selinhos (1) sensibilidade (1) sentimentos maternos (1) sexto sentido (1) suco (1) terceiro trimestre (1) tipos de diabetes (1) trabalho (1) ultrassom (1) ultrassom obstétrico (1) um ano (1) um mês (1) vacina (1) É amanhã (1)